spacer
line
APRESENTAÇÃO 
DESTAQUES 
PROGRAMA 
DETALHES 
NEWSLETTER 
APOIOS 
FICHA TÉCNICA 
CONTACTOS 
 
 
line
line
   DETALHES

COLECÇÃO B (Instalação)
(PT)
Dar que fazer

1 de Agosto a 30 de Setembro
Campos da estrada Évora
Viana do Alentejo

Materiais
Placas de feltro artesanal
Dimensões variáveis: 1,70 x 1,20

A Colecção B iniciou em 2007 uma oficina de feltragem, orientada por Diana Regal. Sediada em Viana do Alentejo, a oficina envolveu várias mulheres-artesãs atentas à questão das técnicas artesanais. A feltragem é, em oposição à tecelagem, uma muito antiga forma de elaboração de tecidos sem recurso a processos de transformação lentos e apurados. Grosseiros, de textura densa, mas de enorme resistência, os feltros artesanais ostentam uma espécie de memória de um fazer prático, uma “arte da terra” votada ao (quase) esquecimento.
Da realização da oficina resultou esta proposta de instalação. Visa-se com ela colocar em contraste (e em relação de afinidade familiar) astexturas (e cores) de sobreiros, oliveras e azinheiras e do feltro, árvores que representam um tempo e uma produção (uma arte) que é, em rigor, economicamente frágil. Em contacto, uma (feltro) e outra (árvores) realidade, sinalizam um jogo de percepção: que há de novo nas árvores dos nossos campos? E propõem uma viagem aos tempos em que ao homem servia o natural, em contraste com a presente (e persistente) desvalorização da(s) actividade(s) agrícolas, que menos rendem do que dão que fazer.

Após um mês de contacto entre a casca das árvores (sobreiro e azinheira) e as placas de feltro artesanal, iniciamos em Setembro uma segunda fase do projecto: a Segunda pele.
Trata-se de convidar um conjunto de 7 artistas / artesãs para, com as placas retiradas das árvores, produzirem objectos que renovem / re-usem aquela segunda pele dando-lhe um uso outro. A produção de objectos utilitários, artísticos ou meramente a transformação da matéria prima, é ainda uma forma de, mais do que integrar uma cadeia de produção, quase só dar que fazer.
As convidadas farão com esta segunda pele uma re-leitura dos materiais e do que trazem já inscrito (pela permanência no campo), num diálogo entre a tradição e as especificidades do seu fazer.  São elas:

Diana  Regal
Dina Piçarra
Guida Fonseca
Helena Calvet
Helena Loermans
Regina Guimrães
Ana Magro

Veja aqui os resultados ou do caminho que elevar esta segunda pele.

green colecção B
green
dar
green
dar
green

 

line
spacer
line
 I N D I C E
 ANABELA DUARTE (PT)
 Concerto
 ANDRÉ RANGEL E A-K SIEGEL (PT)
 Projecto Graffonic
 Amarante Abramovici (PT)
 Tiago Afonso (PT)
 Oficina de edição video
 AMÍCAR VASQUES DIAS (PT)
 Ervas e Aromas
 ARTE E JOGO(PT)
 Exposição
 COLECÇÃO B (PT)
 Andamentos
 COLECÇÃO B (PT)
 Campo de Jogos
 COLECÇÃO B (PT)
 Dar que fazer
 COLECÇÃO B (PT)
 Estendal do mundo
 CIRCO: HISTÓRIA(S), IMAGEM(NS),
 PRÁTICA(S) (PT)
 Curso internacional sobre o circo
 FIL ROUGE (FR)
 Oficinas de formação
 FIL ROUGE (FR)
 Lanka
 GALAPIAT (FR)
 Novo circo
 GUILLERMO GÓMEZ-PEÑA (MEX/USA)
 Mapa Corpo
 LITERATURA E HOSPITALIDADE (PT)
 Encontros
 PROJECTO MENA (PT)
 Teatro
 REGINA GUIMARÃES E SAGUENAIL (PT)
 Tronco & Nu e Antónia
 RICARDO JACINTO (PT)
 Parque
 ROTOZAZA (UK)
 RomCom
 ROTOZAZA (UK)
 Etiquette
 SOTTOMENTITESPOGLIE (IT)
 Performance
 TEATRO DO VESTIDO (PT)
 Carta - Oceano
 TEATRO ALEMÃO NO EXÍLIO (PT)
 Exposição
 TIAGO PORTEIRO (PT)
 Constelações - Residência de Criação
 TINY NINJA THEATRE (USA)
 Hamlet
 PANGEIA INSTRUMENTOS (PT)
 Exposição
 RETROSPECTIVA VIDEOCIRCO (PT)
 Circo
 VIRGÍNIO MOUTINHO (PT)
 Esculturas - Brinquedos volantes
 FESTA DE ENCERRAMENTO
 Jantar e animação
 
 
 
spacer
line