spacer
line
APRESENTAÇÃO 
DESTAQUES 
PROGRAMA 
DETALHES 
NEWSLETTER 
APOIOS 
FICHA TÉCNICA 
CONTACTOS 
 
 
line
line
   DETALHES
PANGEIA INSTRUMENTOS (exposição)
(PT)
Victor Gama

17 de Setembro a 14 de Outubro
Teatro Bernardim Ribeiro, Estremoz
Exposição interactiva com instrumentos, instalações e dispositivos acústicos concebidos por Victor Gama

18 de Setembro
Teatro Bernardim Ribeiro, Estremoz
Workshop de música e construção de instrumentos, para crianças e adultos, associados à exposição e em articulação com as escolas (actividade paralela)

Sobre os instrumentos Pangeia e a exposição
Pangeia Instrumentos representam uma abordagem ao processo de escrita musical através de uma variável adicional, a forma. Consequentemente, são resultado de um método que inclui não só a forma como variável mas também a concepção e a construção do instrumento com o qual a obra musical é executada.

Em Pangeia Instrumentos consideram-se os instrumentos musicais como mediadores ou facilitadores de diálogo e interacção com o meio ambiente e com as pessoas que nos rodeiam. Esta interacção é estabelecida no processo de construção dos instrumentos através de associações conceptuais com elementos da natureza como plantas, animais, estrelas, planetas ou simplesmente como um jogo de diálogo entre duas pessoas. Assim, os instrumentos exploram ainda um elemento de cumplicidade e interactividade ao permitirem que sejam tocados por mais de um músico simultaneamente.

A exposição Pangeia Instrumentos funciona como um espaço de performance e experimentação livre para os visitantes onde também participam na execução de obras escritas para os Instrumentos. Ao percorrerem trajectos sugeridos no interior do espaço de exposição, tocando nos instrumentos expostos, os visitantes cumprem uma espécie de ritual performativo que lhes é posteriormente apresentado sob a forma de banda sonora ou partitura gráfica.

A exposição Pangeia Instrumentos inclui uma série de 8 instrumentos, de vários tipos e dimensões, alguns dos quais são instalados no chão, outros em plintos. Propõe-se uma área de audiovisuais com projecção video possibilitando uma intersecção com os vários projectos da PangeiArt, nomeadamente o projecto de arquivo digital de músicas rurais no interior de Angola, Tsikaya, o projecto Berimbau-Ungu com Naná Vasconselos, Kituxi e Victor Gama em 2004 e as várias vertentes do trabalho de Victor Gama.

Sobre os workshops
Visam estimular a criatividade, desenvolver capacidades musicais e artísticas, aumentar a autoestima e ecorajar o espirito de equipa.
Os workshops de música são realizados no espaço da exposição. É dado a conhecer aos participantes um conjunto de regras simples para tocar os instrumentos expostos e estes são convidados a executar jogos rítmicos e melódicos que realizam em conjunto. São feitas gravações utilizando um computador portátil e um CD-áudio com as gravações finais é oferecido aos participantes.
O programa educacional Pangeia Instrumentos tem vindo a ser implementado em centros culturais, escolas, centros comunitários, museus e galerias tanto a nível nacional como internacional e para todos os grupos etários.

Sobre Victor Gama
Nasceu em Angola e vive actualmente em Sintra. Formado em Engenharia de Electrónica e Telecomunicações, é compositor, performer e desenha instrumentos musicais inovadores. Tem várias obras editadas em CD, incluíndo o album Pangeia Instrumentos editado pela editora Rephlex Records de Londres. Tem um largo percurso de exposições e concertos em África, América e Europa. Em 2003 a Visiting Arts atribui um Project Development Award à exposição/instalação e performance na Ormeau Baths Gallery em Belfast.

Em 2004 participa com o lendário percussionista brasileiro Naná Vasconcelos no projecto “Berimbau-Ungu” que os levou em tourné a Angola, Moçambique e África do Sul. Em 2005 participa no projecto Folk Songs for the Five Points em Nova Iorque com William Parker e Guillermo E. Brown, um projecto de art digital do Tenement Museum.

Expõe em 2006 em Nova Iorque na Gigantic Artspace e na Fundação Serralves, Porto. No início dos anos 90 criou o projecto Pangeia Instrumentos onde explora sonoridades e novos processos de composição através da construção de instrumentos musicais, dispositivos e instalações sonoras numa intersecção com o design, tecnologia, arte e performance.

Gama trabalha com o fenómeno de metamorfose dos instrumentos musicais investigando a sua evolução desde as origens pré-históricas até aos dias de hoje. Este fenómeno sugere-lhe que a forma é uma variável dinâmica no processo de composição e consequentemente introduz uma componente tri-dimensional na escrita musical. Nesse trabalho exploratório usa tecnologias de CAD/CAM e prototipagem rápida como estereolitografia a laser e pulse cutting em colaborações com as Universidades de Loughbourough, London Metropolitan, Rapid Prototyping Consortium e Hub Center for Design and Crafts Making em Inglaterra.

Iniciou e produziu o projecto Odantalan, um intercâmbio de músicos e historiadores de arte que teve lugar em Luanda em 2002 com participantes de Angola, Portugal, Colômbia, Cuba e Brasil. Iniciou em 1997 o projecto Tsikaya, o primeiro arquivo digital de músicas tradicionais em Angola, uma parceria entre a PangeiArt de Portugal e a ADRA e Bismas de Angola.
Participou no programa Mus-e e é membro da Fundação Yehudi Menuhin. É membro fundador da PangeiArt – Associação Cultural.

O seu trabalho artístico recebeu o apoio da Fundação Prince Claus, Fundação Gulbenkian, Instituto Camões, Instituto Português das Artes do Espectáculo, Arts Council England, CNCDP/Conselho de Ministros, Netherlands Institute for Southern Africa, Visiting Arts/British Council, EPAL Companhia das Águas, Lower East Side Tenenement Museum.

Exposições (mais relevantes)
Gigantic Artspace, Artificial Afrika, New York 2006
Tenement Museum, New York, Installation/digital arts – Folk Songs for the Five Points 2005
Harbourfront Centre, Toronto, Canadá, Exposição “Sounds Like” 2005
The Hub Center for Craft, Design and Making, Sleaford, Reino Unido 2005
Sines, Capela da Misericórdia Exposição “PANGEIA INSTRUMENTOS” 2004
8a Bienal de Havana (com Carlos Garaicoa), Cuba 2003
Institute of Contemporary Arts, ICA, Atlantic Waves Festival, Londres 2002
Centro Cultural Português, Maputo, Moçambique 2000
Museum Sound Device, sound installation, MuSoD, intintegrada na exposição “Rhythm” do
Royal Tropical Museum, KIT Amsterdão, Holanda 2000
Centro Cultural da Guarda 1999
Espaço OIKOS, Lisboa 1998

Concertos (mais relevantes)
Fundação de Serralves, Porto, 2006
Museu de Arte Contemporânea do Chiado, Lisboa, 2006
The Distelery, Toronto, Canadá, 2005
Tenement Museum, New York 2005
Tonic, New York 2005
Galapagos, Nova Iorque, 2005
Harbourfront Centre, Toronto, Canada 2005
Tierry O’Toole Theater, North Kesteven, UK 2005
Teatro Jorge Eliezer Gaitan, Bogotá, Colombia 2004
Instituto Franco-Moçambicano, Maputo – Nana Vasconcelos Tour 2004
Teatro Nacional, Luanda - Nana Vasconcelos African Tour 2004
Awesome Africa Festival, Durban 2004
Festival Músicas do Mundo, Sines 2004
State-x New Forms Festival, Haia, Holanda 2004
Forum Mundo Melhor, Rock-in-Rio Lisboa 2004
Visonic Audiovisual Festival, Belfast 2004
Institute of Contemporary Arts, Atlantic Waves Festival 2003
Centro Cultural de Belém, (Sala de Ensaios), 2002
Theater Zuidplein, Rotterdão 2001
Instituto Franco-Português, Lisboa, 2001
RASA-wereld centrum, Utrecht, 2001
Centro Cultural da Universidade Eduardo Mondlane, Maputo 2000
Centro Cultural da Guarda, Portugal, 1999




green image1
green
image2
green
image3
green

 

line
spacer
line
 I N D I C E
 ANABELA DUARTE (PT)
 Concerto
 ANDRÉ RANGEL E A-K SIEGEL (PT)
 Projecto Graffonic
 Amarante Abramovici (PT)
 Tiago Afonso (PT)
 Oficina de edição video
 AMÍCAR VASQUES DIAS (PT)
 Ervas e Aromas
 ARTE E JOGO(PT)
 Exposição
 COLECÇÃO B (PT)
 Andamentos
 COLECÇÃO B (PT)
 Campo de Jogos
 COLECÇÃO B (PT)
 Dar que fazer
 COLECÇÃO B (PT)
 Estendal do mundo
 CIRCO: HISTÓRIA(S), IMAGEM(NS),
 PRÁTICA(S) (PT)
 Curso internacional sobre o circo
 FIL ROUGE (FR)
 Oficinas de formação
 FIL ROUGE (FR)
 Lanka
 GALAPIAT (FR)
 Novo circo
 GUILLERMO GÓMEZ-PEÑA (MEX/USA)
 Mapa Corpo
 LITERATURA E HOSPITALIDADE (PT)
 Encontros
 PROJECTO MENA (PT)
 Teatro
 REGINA GUIMARÃES E SAGUENAIL (PT)
 Tronco & Nu e Antónia
 RICARDO JACINTO (PT)
 Parque
 ROTOZAZA (UK)
 RomCom
 ROTOZAZA (UK)
 Etiquette
 SOTTOMENTITESPOGLIE (IT)
 Performance
 TEATRO DO VESTIDO (PT)
 Carta - Oceano
 TEATRO ALEMÃO NO EXÍLIO (PT)
 Exposição
 TIAGO PORTEIRO (PT)
 Constelações - Residência de Criação
 TINY NINJA THEATRE (USA)
 Hamlet
 PANGEIA INSTRUMENTOS (PT)
 Exposição
 RETROSPECTIVA VIDEOCIRCO (PT)
 Circo
 VIRGÍNIO MOUTINHO (PT)
 Esculturas - Brinquedos volantes
 FESTA DE ENCERRAMENTO
 Jantar e animação
 
 
 
spacer
line